Citação

Afinal posso considerar os servidores Bare Metal da IBM SoftLayer como Cloud ?

Olá Leitores, Bom Dia.

Na segunda e terça feira estivemos reunidos com responsáveis da SoftLayer USA além do time de vendedores da IBM de Cloud conversando sobre os principais questionamentos e indagações do mercado com relação a Cloud.

Hum dos temas que me chamou atenção é a dúvida do mercado com relação aos servidores dedicados que a IBM SoftLayer oferece, mais conhecido como Bare Metal, se ele pode ou não ser considerado Cloud. Por esse motivo resolvi fazer esse post, para esclarecermos e assim tirarmos nossas definições.

Afinal .. Posso considerar o Bare Metal da IBM SoftLayer como Cloud ?

Para responder esse questionamento devemos levar em consideração como o mercado olha para o conceito de Cloud Computing  .

De acordo com o NIST , Cloud computing é “um modelo para acesso a rede sob demanda, ubíquo e conveniente para um pool compartilhado de recursos computacionais configuráveis que podem ser rapidamente provisionados e lançados com mínimo esforço de gerenciamento ou interação com o provedor de serviços”.

 

Para atender a definição, o NCITS (International Committee for Information Technology Standards), lista cinco características essenciais para cloud computing: auto serviço sob demanda, acesso a rede de banda larga, pool de recursos, rápida elasticidade ou expansão e serviço de mensuração. A definição também cita três modelos de serviço (software, plataforma ou infraestrutura) e quatro modelos de desenvolvimento (privado, comunitário, público e híbrido) que, juntos, categorizam modos de entrega de serviços em nuvem.

Ou seja, realmente para um ambiente ou recurso computacional ser definido como Cloud Computing deverá ser atendido todas as inidicações citadas acima.

A definição de Bare Metal para a IBM SoftLayer é a seguinte:

Servidores Bare Metal da SoftLayer fornecem a força que você procura para o seu workload de forma intensa com processadores e discos que necessitam I/O. Esses servidores utilizam o pacote mais completo de funcionalidades e serviços padronizados de Cloud.

Para que possamos ter uma visão e ítem a ítem vamos a comparação na tabela abaixo.

bare metal

Além, dos ítens acima ainda posso relatar que os servidores Bare Metal podem ser contratados no modo HORA ou MENSAL, a possibilidade de escolher qual disco irá utilizar (SATA, SAS, SSD) e até o RAID a ser utilizado.

Portanto, após todas as considerações acima, Posso considerar o Bare Metal da IBM SoftLayer como Cloud ?

A respostá é SIM.

Espero dessa forma ter clareado as dúvidas com o Bare Metal.

Referência:
SP 800-145  – The NIST Definition of Cloud Computing
Bare Metal Servers – SoftLayer

Obrigado e abraços,


Thiago Viola – IBM Cloud Representative
E-mail: thiagoviola@yahoo.com.br
LinkedIn: https://www.linkedin.com/pub/thiago-viola/35/969/893
Blog: https://thiagoviola.wordpress.com/
Twitter: @ThiViola
YouTube Channel: https://www.youtube.com/user/tviola87

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s