Conheça projetos Open Source que podem facilitar a adoção e uso de Kubernetes.

Olá Leitores, Bom Dia.

Nas últimas semanas a avalanche de informações sobre Kubernetes ainda tem dominado as principais conversas sobre tecnologia. Por aqui fiz um post a cerca de 01 mês sobre o tema Kubernetes agora disponível no IBM Bluemix Container Service., e também recomendo a leitura dos posts do Marcos Paraiso., “Os containers vão engolir IT ?”, e também “5 razões por que Kubernetes estará em seu futuro”.

Uma breve introdução para quem não conhece o Kubernetes,  ele foi desenvolvido pelo Google como parte do projeto de Borg e entregue para a comunidade open source em 2014.

Kubernetes

O Kubernetes possui mais de 15 anos e combina infraestrutura na execução de  containers com cargas de trabalho de produção, aberta contribuições fonte edição e ferramentas de gerenciamento., lembrando também que Kubernetes nos permite executar aplicativos em containers em escala, com balanceamento de cargas, garantindo alta disponibilidade de aplicativos e ainda gerenciando atualizações ou reversões.

Mas usar Kubernetes leva algum trabalho e muitas das tarefas de gerenciamento e manutenção em torno de Kubernetes são francamente complexas.

Não podemos esperar que o projeto principal resolva todos os problemas imediatamente e felizmente, a comunidade em torno de Kubernetes está encontrando soluções para aqueles problemas que, por uma razão ou outra, a equipe de Kubernetes não se enfocou.

Pensando em facilitar a adoção e o uso de Kubernetes busquei por algumas iniciativas que poderiam trazer benefícios reais com geração de snapshots, Disaster Recovery e ferramentas complementares que buscam cobrir o que a solução ainda não está madura para suprir., vamos a elas:

Heptio

heptio

A missão da Heptio ao abrirmos o site é muito clara.: Tornar o Kubernetes® acessível aos desenvolvedores em todos os lugares e promover o ecossistema Kubernetes aberto.

Dois dos criadores de Kubernetes saíram do Google para formar a Heptio, uma empresa com a missão declarada de tornar Kubernetes mais fácil de usar. A empresa se concentrou na entrega de ferramentas de código aberto projetadas para aprimorar a experiência de trabalhar com a versão original de Kubernetes.

Dois projetos que chamam a atenção são: Heptio Ark e Heptio Sonobuoy.

O Ark é um sistema de recuperação de desastres para clusters Kubernetes – uma maneira de capturar, fazer backup e restaurar aplicativos baseados em contêineres. Ark registra o estado de ambos os objetos da API Kubernetes e os discos de volume persistente (PV).

O Sonobuoy verifica uma determinada instalação do Kubernetes para ver se pode passar os testes usados ​​para certificar as versões da versão Kubernetes. O trabalho da Sonobuoy é descobrir se mudanças de versionamento criaram incompatibilidades.

Vale a pena aprofundar a leitura.: https://www.heptio.com/products-and-services/

 



Kubed

A Kubed é um lançamento da AppsCode, trata-se de plataforma de codificação colaborativa para aplicações em container na gestão de um cluster Kubernetes.

Kubed, com pronuncia de “Cube-dee” e abreviação de “Kubernetes daemon” – agrupa uma série de funções úteis em um único processo daemon. A Kubed pode realizar instantâneos de cluster periódicos, fornecer armazenamento temporário para objetos excluídos (caso necessite novamente), executar reencaminhamento automático de eventos, enviar notificações por vários canais e muito mais.

Veja maiores detalhes.: https://github.com/appscode/kubed


 

Kubicorn

O projeto Kubicorn visa ajudar os usuários a criar e gerenciar infra-estrutura para Kubernetes em vários serviços em Cloud. Como o Puppet e outras ferramentas modernas para gerenciar infra-estrutura, a Kubicorn adotou uma filosofia declarativa: o usuário descreve o estado que deseja ver em seu cluster e a Kubicorn garante que o estado do cluster seja mantido em sincronia com esse alvo.

O Kubicorn pretende trabalhar tanto como uma ferramenta autônoma como como uma biblioteca que pode ser invocada por outras ferramentas. Do mesmo jeito, Kubicorn desenha ferramentas existentes em Kubernetes, como a ferramenta kubeadm. Como tal, o Kubicorn destina-se a complementar os fluxos de trabalho existentes em vez de deslocá-los.

A maior parte da abordagem da Kubicorn é o uso de instantâneos. O Kubicorn funciona permitindo que um usuário defina o estado do seu cluster, aplique esse estado atômico (se não funcionar, é revertido) e para capturar esse estado como um instantâneo. Esses instantâneos podem então ser usados ​​para implantações novas também.

Veja maiores detalhes.: https://github.com/kris-nova/kubicorn

Obrigado e abraços,


Thiago Viola
Head of Cloud Digital Sales Brazil
SoftLayer Subject Matter Expert

E-mail: thiagoviola@yahoo.com.br
LinkedIn: br.linkedin.com/in/thiagoviola
Blog: https://thiagoviola.wordpress.com/
Twitter: @ThiViola
YouTube Channel: https://www.youtube.com/user/tviola87
Slide Share: http://www.slideshare.net/ThiagoViola

 

Anúncios
Galeria

Inscreva-se no evento Sampa Kubernetes Meetup.

Olá Leitores, Bom Dia.

Containers, containers e mais contaires !

Para quem não conhece o Kubernetes foi desenvolvido pelo Google como parte do projeto de Borg e entregue para a comunidade open source em 2014. O Kubernetes possui mais de 15 anos e combina de infraestrutura de pesquisa do Google na execução de um containers com cargas de trabalho de produção, aberta contribuições fonte edição e ferramentas de gerenciamento para fornecer uma plataforma de aplicativos isolado e seguro que é portátil e extensível em caso de falha-overs.

O serviço de container na IBM por exemplo conta com opções de Docker e Kubernetes os quais oferecerem ferramentas poderosas, uma experiência intuitiva, além de segurança e isolamento embutido para automatizar a implantação, operação, dimensionamento e monitoramento de aplicativos ao longo de um cluster de hosts de computação independentes usando Kubernetes.

Para quem quiser começar a conhecer ou até mesmo aprofundar teremos uma ótima oportunidade aqui na IBM !!!

Acontecerá no dia 28 de Agosto as 19h00 no AUDITÓRIO DA IBM BRAZIL
Rua Tutóia, 1157 – Vila Mariana, São Paulo

Screen Shot 2017-06-27 at 22.40.09

Increva-se através do link:  https://www.meetup.com/Sampa-Kubernetes-Meetup/

Obrigado e abraços,


Thiago Viola
Head of Cloud Digital Sales Brazil
SoftLayer Subject Matter Expert

E-mail: thiagoviola@yahoo.com.br
LinkedIn: br.linkedin.com/in/thiagoviola
Blog: https://thiagoviola.wordpress.com/
Twitter: @ThiViola
YouTube Channel: https://www.youtube.com/user/tviola87
Slide Share: http://www.slideshare.net/ThiagoViola

Kubernetes agora disponível no IBM Bluemix Container Service

Olá Leitores, Bom Dia.

Para quem já está ‘surfando’ a onda de containers aqui está uma boa novidade ! Caso você seja novo no assunto recomendo iniciar por aqui LINK.

Aogra o serviço de container do IBM Bluemix Container Service conta com opções de Docker e Kubernetes os quais oferecerem ferramentas poderosas, uma experiência   intuitiva, além de segurança e isolamento embutido para automatizar a implantação, operação, dimensionamento e monitoramento de aplicativos ao longo de um cluster de hosts de computação independentes usando Kubernetes.

Kubernetes

Para quem não conhece o Kubernetes foi desenvolvido pelo Google como parte do projeto de Borg e entregue para a comunidade open source em 2014. O Kubernetes possui mais de 15 anos e combina de infraestrutura de pesquisa do Google na execução de um containers com cargas de trabalho de produção, aberta contribuições fonte edição e ferramentas de gerenciamento para fornecer uma plataforma de aplicativos isolado e seguro que é portátil e extensível em caso de falha-overs.


Kubernetes no IBM Bluemix – CONCEITO.

Através do IBM Bluemix Container Service – Docker e Kubernetes agora se combinam para oferecer ferramentas poderosas, uma experiência de usuário intuitiva, e built-in de segurança e isolamento para permitir a entrega rápida de todos os aplicativos. — Aproveitando a Cloud IBM incluindo capacidades cognitivas de Watson.

Atualmente o serviço está disponível nos Estados Unidos (Dallas) e UE (Frankfurt).

Com um único painel de controle Kubernetes, você poderá administrar seu ambiente, validando a conformidade de segurança em todo o seu pipeline DevOps, digitalizando automaticamente as imagens do Docker e contatos em tempo real para vulnerabilidades conhecidas .

Aproveite o valor da plataforma IBM Bluemix facilmente vinculativo para outros serviços, que trazem capacidades cognitivas e analíticas para sua aplicação.

 

Kubernetes no IBM Bluemix – Na PRÁTICA.

Acesse o link: https://www.ibm.com/cloud-computing/bluemix/containers

Obrigado e abraços,


Thiago Viola
Head of Cloud Digital Sales Brazil
SoftLayer Subject Matter Expert

E-mail: thiagoviola@yahoo.com.br
LinkedIn: br.linkedin.com/in/thiagoviola
Blog: https://thiagoviola.wordpress.com/
Twitter: @ThiViola
YouTube Channel: https://www.youtube.com/user/tviola87
Slide Share: http://www.slideshare.net/ThiagoViola

 

https://www.ibm.com/blogs/bluemix/2017/05/kubernetes-now-generally-available-ibm-bluemix-container-service/